Cristo está na sua vida?...

Guardai-vos dos falsos profetas, que vêm a vós disfarçados em ovelhas, mas interiormente são lobos devoradores... Mateus 7:15

Somos seguidores de Cristo, não de homens - Gálatas 1:10        

Segunda-feira, 29 de Novembro de 2004

- Pense bem...





Pense bem...








Jesus Cristo resolveu voltar à Terra...

E decidiu vir vestido de médico! Procurou um lugar para descer, escolheu no Brasil um posto de saúde do sistema SUS.

Viu um médico trabalhando há muitas horas e morrendo de cansaço.

Jesus então entrou de jaleco, passando pela fila de pacientes no corredor, até atingir o consultório médico.

Os pacientes viram e falaram:

Olha aí, vai trocar o plantão.

Jesus Cristo entrou na sala e falou para o colega que podia ir, que ele iria tocar o ambulatório dali por diante.

E, todo resoluto, gritou:

O PRÓXIMO.

Entrou no consultório um homem paraplégico em sua cadeira de rodas.

Jesus Cristo levantou-se, olhou bem para o aleijado, e com a palma da mão direita sobre sua cabeça disse:

LEVANTA-TE E ANDA!

O homem levantou-se, andou e saiu do consultório empurrando a própria cadeira de rodas.

Quando chegou ao corredor, o próximo da fila perguntou:
E aí, como é esse Doutor novo?

Ele respondeu:

Igualzinho aos outros... Nem examina a gente!

Moral da história: Tem gente que já recebeu o milagre, mas nem se toca, pois só vive pra reclamar ou botar defeito em tudo nessa vida!








Autor desconhecido




Liberdade Cristã editou às 06:50
link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 22 de Novembro de 2004

- Os propósitos de Jeová sempre se cumprem






Os propósitos de Jeová sempre se cumprem



" Nem um único cabelo da vossa cabeça perecerá. "



Esta afirmação foi proferida pelo apostolo Paulo aquando da sua viagem como prisioneiro para Roma, enquanto o barco em que se encontrava estava em perigo no meio de uma tempestade.

Do relato que se segue duas perguntas nos surgem.



1) Qual o exemplo que Paulo nos dá ?

2) Porque o oficial do exército desejava manter Paulo a salvo ?





Se lermos Actos 27:33-44 obteremos resposta a tais perguntas.







33 Então, quando estava para amanhecer, Paulo começou a encorajar a todos juntos para que tomassem algum alimento, dizendo: "Hoje é o décimo quarto dia que tendes estado de vigília e continuais sem alimento, não tendo tomado nada para vós mesmos. 34 Portanto, encorajo-vos a tomardes algum alimento, pois isso é no interesse da vossa segurança; porque nem um único cabelo da vossa cabeça perecerá." 35 Depois de dizer isso, tomou também um pão, deu graças a Deus perante todos eles e partiu-o, e principiou a comer. 36 Todos ficaram assim animados e começaram também a tomar alimento. 37 Ora, ao todo éramos no barco duzentas e setenta e seis almas. 38 Quando se saciaram do alimento, passaram a aliviar o barco, lançando o trigo ao mar. 39 Finalmente, quando ficou dia, não puderam reconhecer a terra, mas observavam certa baía com uma praia, e estavam resolvidos, se pudessem, a arremessar o navio ali. 40 Cortando assim as âncoras, deixaram-nas cair no mar; soltando ao mesmo tempo as amarras dos remos do leme, e, içando o traquete ao vento, dirigiram-se para a praia. 41 Quando deram num banco de areia banhado em ambos os lados pelo mar, encalharam o navio, e a proa se encravou e ficou imóvel, mas a popa começou a ser violentamente despedaçada.42 Em vista disso, os soldados tomaram a resolução de matar os prisioneiros, para que ninguém escapasse nadando. 43 Mas o oficial do exército desejava manter Paulo a salvo e os conteve no propósito deles. E ele mandou que os que soubessem nadar se lançassem ao mar primeiro e chegassem à terra, 44 e que o resto o fizesse, alguns em tábuas e outros em certos objetos do barco. E assim aconteceu que todos atingiram terra a salvo.


Sabemos que tudo o que Paulo disse foi inspirado pelo espirito Santo de Jeová.

Mas para nós cristãos o comportamento de Paulo em toda esta situação nos dá um excelente exemplo de inabalável confiança em Jeová e no seu espirito sustentador.

Tome por favor em consideração Actos 27:42

" Em vista disso, os soldados tomaram a resolução de matar os prisioneiros, para que ninguém escapasse nadando. "

Se os soldados queriam matar os prisioneiros, porque foi preservada a vida de Paulo ? Encontramos a resposta a esta pergunta em Actos 23:11

" Mas, na noite seguinte, o Senhor estava em pé ao lado dele e disse: Tem coragem ! Pois assim como tens dado testemunho cabal em Jerusalém concernente ás coisas a respeito de mim, terás de dar também testemunho em Roma. "

Pois é, Paulo tinha que dar testemunho em Roma. Para tal Jeová tornou possivel que acontecesse o que lemos em Actos 27:43

" Mas o oficial do exercito desejava manter Paulo a salvo e os conteve nos propósitos deles. E ele mandou que os que soubessem nadar se lançassem ao mar primeiro e chegassem a terra. "

Todos estes acontecimentos nos mostram o inquebrantável zelo e coragem de Paulo, notamos também quão abundantemente Jeová abençoou seus esforços.

Que conclusão tiramos para os nossos dias ?

- Certamente esta inabalável confiança em Jeová e este inquebrantável zelo, nos devem dar um maravilhoso incentivo para também nós sermos fieis em " dar cabalmente testemunho a respeito de Deus. "

- Devemos estar confiantes que tal como no tempo de Paulo, também nos nossos dias os propósitos de Jeová se cumprirão no tempo apropriado.

 



Miguel Roque


 



Liberdade Cristã editou às 18:57
link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 15 de Novembro de 2004

- Deus...





Deus...




 





Deus...


Dai-me o poder de não desanimar

De poder olhar para o futuro com alegria

De esperar todos os dias algo de bom...


Deus...


Não me deixe desistir

Levante-me os olhos para a vida,

e que ela possa me parecer linda sempre.


Deus...


Não permita que eu saia do meu caminho,

mesmo ele estando em dificuldades,

mesmo que pareça impossível chegar ao fim.


Meu querido Deus...


Não deixe que eu me esvazie,

que me sinta triste e sem coragem.

Não deixe que eu pare diante de situações difíceis...

Que eu me distancie dos meus sonhos!


Deus...


Só o Senhor tem o poder de me iluminar,

então, faça da minha vida uma claridade plena,

faça que meu coração sinta a luz do amor,

e que eu possa dar amor ao meu irmão

sem medir esforços.


Deus meu...


Eis um filho seu implorando ajuda,

pois sem a sua mão estendida, nada neste mundo pode ser perfeito.

Por isso, venho aos seus pés e peço:

- Me dá a chance de acertar,

de lhe dar orgulho em ser do seu reino,

de saber o seu valor.


Deus...


Lhe peço ainda:

- Não me deixe parar nunca e,

que minhas esperanças se renovem a cada dia!



Miguel Roque





Liberdade Cristã editou às 00:01
link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 11 de Novembro de 2004

- É a morte o fim, ou um novo principio?








É
a morte o fim, ou um novo principio?


Perder na morte aqueles que amamos dói sempre, mas como cristãos temos fé e esperança na ressurreição.


Até porque nosso exemplo o senhor Jesus Cristo ressuscitou dos mortos.


Na passada segunda-feira 08/11/2004 ás 22h do Brasil minha sogra morria num hospital de S. Paulo vitima de um derrame cerebral.


Foi para mim uma dor forte pois tinha me afeiçoado a ela como se de uma mãe se tratasse, pois perdi a minha à nascença.


Perante essa dor querendo fazer algo em memória dela e não me sentido psicologicamente capaz pedi aos meus amigos ajuda, e ela não tardou, abaixo está um artigo que tanto pode servir de consolo como de esclarecimento.




Miguel Roque










Morreu... e agora?





Certamente esta é uma pergunta que paira sobre a cabeça de muitos, sempre que se "perde" um ente querido...

Afinal, o que aguarda o futuro para essa pessoa?


Embora hajam muitos pensamentos e ideias a respeito do estado presente daqueles que partiram deste mundo, acredito que, para não nos equivocarmos, é mister que nos atenhamos ao que as Escrituras Sagradas nos ensinam a respeito, quer de forma clara, quer de forma "indutiva"!


Assim, é necessário que entendamos, primeiramente como o homem foi criado, então entenderemos o que é a morte, conforme as Escrituras nos mostram...


"E formou o SENHOR Deus o homem do pó da terra, e soprou em suas narinas o fôlego da vida; e o homem foi feito alma vivente."(GN 2:7)


Baseado neste e em outros textos, há que diga ou creia que o homem é o resultado da soma de um corpo material, com o sopro de DEUS (espírito de vida), sendo, assim, uma "alma vivente". Entretanto, analisando a criação do homem dentro de todo o contexto bíblico, descobrimos o seguinte...

O homem é um ser "tri-partido", a saber, composto de três elementos distintos entre si: a) espírito, b) alma e c) corpo.


"E o mesmo Deus de paz vos santifique em tudo; e todo o vosso espírito, e alma, e corpo, sejam plenamente conservados irrepreensíveis para a vinda de nosso SENHOR Jesus Cristo."(1TS 5:23)

Claro está que quando DEUS disse: "Façamos o homem à nossa imagem, conforme a nossa semelhança...(GN. 1:26), estava nos dando a entender algo muito profundo. Sabemos que DEUS é "espírito" (JO. 4:24) Logo, o homem não pode ser apenas matéria, mas também espírito. Segundo Eclesiastes 12:7, por ocasião da "morte", como todos a conhecem, o pó volta à terra, como o era, concordando com o que DEUS disse ao homem:

"No suor do teu rosto comerás o teu pão, até que te tornes à terra; porque dela foste tomado; porquanto és pó e em pó te tornarás."(GN 3:19


E o fôlego (espírito de vida) volta à DEUS que o deu...
"E o pó volte à terra, como o era, e o espírito volte a Deus, que o deu." (EC 12:7)


Há de se entender, entretanto, que o espírito, citado em EC. 12:7, é meramente o "espírito de vida", ou seja, o fôlego que vivica o corpo. Contudo, nos voltando para o texto de 1 TS. 5:23, ainda resta um elemento... a alma! Se por ocasião da morte, o corpo se torna em pó, e o fôlego retorna para DEUS, então, que destino tem a alma?

É aqui que precisamos entender o que é a morte...


"Mas da árvore do conhecimento do bem e do mal, dela não comerás; porque no dia em que dela comeres, certamente morrerás." (GN 2:17)


Há de se ter consciência de que "DEUS não mente"! DEUS falou ao homem que "no dia" em que comesse da árvore cujo fruto lhe era proibido, morreria! Se pensarmos na "morte" unicamente como o "render o fôlego ou 'expirar'", ficaríamos chocados, pois então DEUS teria mentido, uma vez que, após comer do fruto, o homem continuou "vivendo"... não "caiu" morto! Pelo contrário, viveu ainda muitos e muitos anos... Novecentos e trinta anos, para ser preciso!


Claro está, então, que a morte, aqui citada por DEUS, não era a morte física. Consequentemente, descobrimos que o homem, embora formado do pó da terra (seu corpo), não é apenas "matéria". Há algo mais!
Que tipo de "morte", então, teria ocorrido quando o homem "comeu" do fruto proibido?

Analisando o texto de Gênesis, vemos que antes de comer do fruto, o homem conversava com DEUS a cada final do dia (GN. 3:8). Contudo, após ter desobedecido a DEUS, o homem agora "se esconde" da presença de DEUS! Então o que houve?  Podemos dizer que o homem perdeu a comunhão com DEUS. Entendemos, então, que aqueles que não têm comunhão com DEUS, estão "mortos" em seus pecados, conforme confirma-nos a Palavra de DEUS em Efésios 2:1...


"E VOS vivificou, estando vós mortos em ofensas e pecados," (EF 2:1)
Logo, afastar-se de DEUS é "um tipo de morte"...

Por ocasião da morte, há algo que continua... doutra sorte, como poderíamos explicar o que DEUS fala neste texto:
"Os ímpios serão lançados no inferno, e todas as nações que se esquecem de Deus." (SL 9:17)
Claro está que o inferno aqui, não é meramente a sepultura, como pregam algumas religiões, porque do contrário, não apenas os ímpios, mas todos, ímpios e justos, são sepultados...
"Pois grande é a tua misericórdia para comigo; e livraste a minha alma do inferno mais profundo." (SL 86:13)

Neste texto, vemos que não é o corpo, nem o espírito (fôlego) mas sim a alma que sofre no inferno...

"Tu a fustigarás com a vara, e livrarás a sua alma do inferno."(PV 23:14)
"E contudo levado serás ao inferno, ao mais profundo do abismo."(IS 14:15)

Já neste texto, o inferno é o destino (condenação) do diabo... sendo o diabo (satanás) um querubim, um espírito sem corpo físico, não podemos admitir que este texto faça referência à sepultura...


"E, se o teu olho te escandalizar, arranca-o, e atira-o para longe de ti; melhor te é entrar na vida com um só olho, do que, tendo dois olhos, seres lançado no fogo do inferno." (MT 18:9)

"E, se a tua mão te escandalizar, corta-a; melhor é para ti entrares na vida aleijado do que, tendo duas mãos, ires para o inferno, para o fogo que nunca se apaga," (MC 9:43)
"E, se o teu pé te escandalizar, corta-o; melhor é para ti entrares coxo na vida do que, tendo dois pés, seres lançado no inferno, no fogo que nunca se apaga," (MC 9:45)
"E, se o teu olho te escandalizar, lança-o fora; melhor é para ti entrares no reino de Deus com um só olho do que, tendo dois olhos, seres lançado no fogo do inferno," (MC 9:47)



Logo, o inferno é o destino daqueles que durante sua existência física, se afastaram de DEUS e de Sua Palavra!
Mas quanto aos justos, aqueles que procuraram sempre agradar à DEUS, estes têm uma ditosa esperança:

"Porque para mim o viver é Cristo, e o morrer é ganho." (FP 1:21)
"Mas, se o viver na carne me der fruto da minha obra, não sei então o que deva escolher." (FP 1:22)

"Mas de ambos os lados estou em aperto, tendo desejo de partir, e estar com Cristo, porque isto é ainda muito melhor." (FP 1:23)
"E, havendo aberto o quinto selo, vi debaixo do altar as almas dos que foram mortos por amor da palavra de Deus e por amor do testemunho que deram." (AP 6:9)



Na sua visão, João não viu corpos, não viu espíritos... João viu as almas dos que foram mortos por causa da Palavra de DEUS...

Então, percebemos que aos que dormem em CRISTO, estão temporariamente na presença de DEUS, aguardando a ressurreição dos seus corpos, como também a Palavra nos ensina:
"Porque, se cremos que Jesus morreu e ressuscitou, assim também aos que em Jesus dormem, Deus os tornará a trazer com ele." (1TS 4:14)


Aqui, fazendo uma referência à ressurreição, e à volta do SENHOR JESUS, Paulo diz que, aos que em JESUS dormem (morreram salvos), por ocasião da volta de JESUS, suas almas voltarão com ELE (JESUS) para habitar seus corpos então ressurrectos incorruptíveis.




 Carlos Alberto Bachtold

 


 



Liberdade Cristã editou às 19:27
link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 8 de Novembro de 2004

- Tem Jesus poder sobre a vida e a morte?






Tem Jesus poder sobre a vida e a morte?



" Não temas, apenas exerce fé. "

Tais palavras foram pronunciadas por Jesus para consular Jairo a quem acabara de morrer uma filha.

Da leitura biblica três perguntas se destacam :

Quando aconteceram os relatos aí citados?

Porque foram escritos na bíblia?

Qual o seu significado, para os nossos dias?


Para responder a tais perguntas, leia por favor Marcos 5:21-24
Agora do versículo 35 ao 43 do mesmo capitulo.




21 Tendo Jesus passado de novo no barco para o outro lado, ajuntou-se a ele uma grande multidão; e ele estava à beira do mar. 22 Chegou um dos chefes da sinagoga, chamado Jairo e, logo que viu a Jesus, lançou-se-lhe aos pés. 23 e lhe rogava com instância, dizendo: Minha filhinha está nas últimas; rogo-te que venhas e lhe imponhas as mãos para que sare e viva. 24 Jesus foi com ele, e seguia-o uma grande multidão, que o apertava.


35 Enquanto ele ainda falava, chegaram pessoas da casa do chefe da sinagoga, a quem disseram: A tua filha já morreu; por que ainda incomodas o Mestre? 36 O que percebendo Jesus, disse ao chefe da sinagoga: Não temas, crê somente. 37 E não permitiu que ninguém o acompanhasse, senão Pedro, Tiago, e João, irmão de Tiago. 38 Quando chegaram a casa do chefe da sinagoga, viu Jesus um alvoroço, e os que choravam e faziam grande pranto. 39E, entrando, disse-lhes: Por que fazeis alvoroço e chorais? A menina não morreu, mas dorme. 40 E riam-se dele; porém ele, tendo feito sair a todos, tomou consigo o pai e a mãe da menina, e os que com ele vieram, e entrou onde a menina estava. 41 E, tomando a mão da menina, disse-lhe: Talita cumi, que, traduzido, é: Menina, a ti te digo, levanta-te. 42 Imediatamente a menina se levantou, e pôs-se a andar, pois tinha doze anos. E logo foram tomados de grande espanto. 43 Então ordenou-lhes expressamente que ninguém o soubesse; e mandou que lhe dessem de comer.



Os relatos citados aconteceram em fins de 31 ou no principio de 32 EC. Nessa altura a filha de Jairo, presidente da sinagoga, ficou tão doente que se esperava que ia morrer, Jairo procurou Jesus, lançou-se aos seus pés e suplicou-lhe que fosse a sua casa e a curasse, antes que fosse tarde demais.

Agora, porém, o que Jairo mais teme acontece.

Chegam alguns homens e dizem discretamente a Jairo:


- " Tua filha morreu! porque incomodar ainda o instrutor ? "

Que notícia horrível! imagine: Este homem, que inspira grande respeito na comunidade, fica totalmente desnorteado ao saber da morte de sua filha.

Jesus porém ouve a conversa. - Vira-se para Jairo e diz encorajando-o:


Não temas, apenas exerce fé.



É bom sentir o apoio de alguém, ainda que por umas simples palavras. Mas será que Jesus fica só pelas palavras ?!, Não !!! ele parte á acção, acompanha o homem pesaroso até sua casa. Passando pelo meio de ruidosos lamuriadores que zombaram e escarneceram da observação de Jesus, de que a menina estava apenas dormindo, Jairo, sua esposa e três apóstolos acompanham Jesus para dentro da sua casa, onde este restaurou a vida da menina.

Como seria de esperar, Jairo e sua esposa ficaram fora de si, tão grande era a alegria que sentiam.

Talvez, esteja a pensar, porque são relatados tais acontecimentos ?! - Todos estes acontecimentos, foram relatados como sinal de que Jesus era realmente o messias e ainda para mostrar que deveras, " o filho do homem " tem autoridade tanto sobre a vida como sobre a morte.

Mas, talvez ainda se pergunte, porque afirmou Jesus que a menina estava apenas dormindo, quando na realidade ela estava mesmo morta ?!.

Realmente a afirmação de Jesus tem como finalidade nos mostrar que usando Ele os poderes conferidos por Jeová, pode ressuscitar pessoas tão facilmente como acordá-las dum sono profundo.

Podemos afirmar que tanto este milagre como outros estão relatados na bíblia para nos dar plena confiança de que nos dias vindouros, sob o Reino de Deus, Jesus ressuscitará pessoas em maior escala e fará outras obras maravilhosas.




 



Miguel Roque


 



Liberdade Cristã editou às 00:05
link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 1 de Novembro de 2004

- Que é mais importante leis ou principios?






Que é mais importante leis
ou princípios?


O tema - que é mais importante
leis ou princípios ?


Suscita perguntas como:


-  Qual a diferença entre leis e
princípios ?


-  E o que acatamos mais
facilmente no nosso intimo, as leis ou os princípios ?


 Para
melhor compreensão do assunto leia Levítico 19:16-18 e do 26-37


16 Não andarás como
mexeriqueiro entre o teu povo; nem conspirarás contra o sangue do teu próximo.
Eu sou o Senhor.
17
Não odiarás a teu irmão no teu coração; não deixarás de repreender o teu
próximo, e não levarás sobre ti pecado por causa dele.

18 Não te vingarás nem
guardarás ira contra os filhos do teu povo; mas amarás o teu próximo como a ti
mesmo. Eu sou o Senhor.




26 Não comereis coisa
alguma com o sangue; não usareis de encantamentos, nem de agouros.
27 Não cortareis o cabelo,
arredondando os cantos da vossa cabeça, nem desfigurareis os cantos da vossa
barba.
28 Não fareis lacerações
na vossa carne pelos mortos; nem no vosso corpo imprimireis qualquer marca. Eu
sou o Senhor.
29 Não profanarás a tua
filha, fazendo-a prostituir-se; para que a terra não se prostitua e não se encha
de maldade.
30 Guardareis os meus
sábados, e o meu santuário reverenciareis. Eu sou o Senhor.
31 Não vos voltareis para
os que consultam os mortos nem para os feiticeiros; não os busqueis para não
ficardes contaminados por eles. Eu sou o Senhor vosso Deus.
32 Diante das cãs te
levantarás, e honrarás a face do ancião, e temerás o teu Deus. Eu sou o Senhor.
33 Quando um estrangeiro
peregrinar convosco na vossa terra, não o maltratareis.
34 Como um natural entre
vós será o estrangeiro que peregrinar convosco; amá-lo-eis como a vós mesmos;
pois estrangeiros fostes na terra do Egito. Eu sou o Senhor vosso Deus.
35 Não cometereis
injustiça no juízo, nem na vara, nem no peso, nem na medida.
36 Balanças justas, pesos
justos, efa justa, e justo him tereis. Eu sou o Senhor vosso Deus, que vos tirei
da terra do Egito.
37 Pelo que guardareis
todos os meus estatutos e todos os meus preceitos, e os cumprireis. Eu sou o
Senhor.






A nossa leitura relata leis, leis
essas que foram dadas aos Israelitas.


Em Levítico 19:16
ordenou-se aos Israelitas:


" Não deves estar andando
entre o teu povo com o objectivo  de caluniar."


Se caluniarmos alguém, privando-o do seu
bom nome, não podemos estar agradando a Jeová.


Uma regra importante é não dizer nada a respeito duma
pessoa pelas costas que não estaríamos dispostos a dizer face a face.


Todos cometemos erros e ficamos gratos quando esses
pequenos erros não são levados em conta, mas quão aborrecidos ficaríamos porém
se um amigo intimo revelasse
a outros nossas pequenas, porém embaraçosas fraquezas.


Tomemos esta acção como um principio.


Mas qual a diferença entre princípios e
leis ?


Verifiquemos por favor o que diz:
Romanos 13:9,10



9 Com efeito: Não
adulterarás; não matarás; não furtarás; não cobiçarás; e se há algum outro
mandamento, tudo nesta palavra se resume: Amarás ao teu próximo como a ti mesmo.
10 O amor não faz mal
ao próximo. De modo que o amor é o cumprimento da lei.



Se acatarmos estes mandamentos no nosso coração certamente
deixam de ser encarados como leis e passam a funcionar como princípios.


Importa não esquecermos que apesar de não estarmos mais
debaixo da lei mosaica , nós cristãos também temos 
leis da parte de Jeová, tais como:



-        
Evitar a idolatria.



-        
A imoralidade sexual.


-        
E o mau uso do sangue.


Como adoradores de Jeová
reflectimos essas leis em princípios tais como:


 - Deus merece nossa devoção
exclusiva.


 - Temos que ser
fieis ao nosso cônjuge.


 - E Jeová é o nosso dador da
vida.


O dicionário define principio como doutrina, causa primária
ou acepção fundamental, mas principio também ele é lei, mas uma lei que está
escrita no nosso coração.


Por isso nós cristãos somos
exortados a pensar em termos de princípios.


Possivelmente ás vezes torna-se difícil obedecer a uma lei
e só o fazemos por medo da penalidade pela desobediência.


Perante um principio agiremos de
forma diferente pois os princípios estão gravados no nosso coração foram por nós
aceites, fazem parte da nossa conduta moral.


Para que não cometamos os mesmos erros dos Israelitas do
passado devemos ter sempre em mente as palavras do apostolo
Paulo " Más associações estragam hábitos úteis e ainda você ceifa o que semeia.


Sabemos que está próximo o fim deste sistema de coisas,
tenhamos pois em atenção estes princípios para que não percamos de vista tudo
aquilo que Jeová tem reservado para o seu povo.











Miguel Roque




Liberdade Cristã editou às 00:00
link do post | comentar | favorito
|

Abril 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

27
28
29
30


pesquisar

 

Artigos Recentes

Alessandro Gregorute desm...

Pela vida...

Lendo Coríntios...

Salmo 1

Feliz Natal

Foi por você...

Respeite a vida, um dom d...

- Se Deus estiver comigo,...

Sobre Liberdade Cristã

- Cuida do mais important...

Arquivos

Abril 2009

Dezembro 2008

Maio 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Junho 2007

Janeiro 2007

Novembro 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

Novembro 2004

Outubro 2004

Setembro 2004

Agosto 2004

Ao serviço de Deus


Caminho de fé
Liberdade Cristã (blog)
Liberdade Cristã (site)
Busca primeiro o Reino

Estou no...






Estou no Blog.com.pt
blogs SAPO

subscrever feeds

tags

todas as tags